Tardi, Horacio Altuna e outros autores presentes no AmadoraBD 2015

Já são conhecidos os nomes dos autores estrangeiros cuja presença já está confirmada para o a 26ª edição do AmadoraBD.

20 a 25 de outubro

Mathieu Sapin (França) O autor de “Le Château” vem à Amadora, no âmbito de um álbum policial que irá publicar, cuja ação se passa nesta cidade.

21 a 27 de outubro

Lawrence Klein (EUA), fundador do MoCCa – Museum of Comic and Cartoon Art (Nova Iorque) vem ao Amadora BD por ocasião da exposição Lisbon Calling, no Ponto das Artes – Lx Factory – para a qual desafiou
diversos autores portugueses a criarem universos hídridos onde se fundem as culturas portuguesa e americana.

24 e 25 de outubro

Yannis Ioaunnou (Grécia). Amadora Cartoon/OXI e o Cartoon Grego.

24 e 25 de outubro

Jacques Tardi, Dominique Grange (França) Putain de Guerre! nos Recreios da Amadora, Putain de Guerre! – A Guerra das Trincheiras, na Bedeteca da Amadora. O autor está nomeado para os Prémios Nacionais de Banda Desenhada 2015 com Foi assim a Guerra das Trincheiras, editada pela Levoir/Público. Ainda não está confirmado se o autor irá realizar sessões de autógrafos.

31 de outubro e 1 de novembro

Fernando Ruibal Piai (Galiza) Amadora Cartoon.

Henrique Magalhães (Brasil) Lançamento Teu nome, Maria! Teu apelido, Lisboa (Polvo).

André Diniz (Brasil) Lançamento Que Deus te abandone (Polvo).

Horácio Altuna (Argentina) Exposição central A Criança na BD.

7 e 8 Novembro

Reinhard Kleist (Alemanha) tem uma exposição no Festival dedicada ao álbum “O Pugilista” (Polvo) que é agora lançado em Portugal. O autor vai ainda fazer uma sessão de live drawing durante um dj set com
temas de Nick Cave e Johnny Cash, no Musicbox.

Felipe Alves (16 anos) e Tainara Meneses (15 anos) Exposição da Fundação da Casa Grande (Brasil). A Fundação é, literalmente, administrada por crianças e jovens: estas desenvolvem competências extraescolares artísticas, arqueológicas, comunicacionais, de gestão e empresariais, sem nunca esquecerem que
são crianças e sempre, sempre, com a brincadeira como prioridade.

Marcello Quintanilha (Brasil) Lançamento de Talco de Vidro (Polvo).

Lindomar Sousa, Olímpio de Sousa, Tché Gourgel e João Mascarenhas a propósito o debate “Os 40 anos
da BD angolana”, no âmbito dos 40 anos de independência de Angola.

Para além destes autores ainda vão estar presentes diversos autores nacionais para várias sessões de lançamento e apresentação de álbuns, cuja programação pode ser consultada aqui.

Tags from the story
,
Written By
More from aCalopsia

Guerras Secretas – Parte 2 – Marvel / Salvat

A milhões de anos-luz da Terra, e forçados a combater pelo derradeiro...
Read More

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *