Jogos Sem Fronteiras na Feira da Ladra

Realiza-se neste sábado, dia 28 de Setembro, a Jeux Sans Frontières – Feira de Edições das 11h30 às 18h, no Jardim do Palácio Sinel de Cordes (à Feira da Ladra).

Fica aqui o press release do evento:

Porque uma feira não é um franchising, e os livros não são salsichas de lata, entre outras coisas, claro. Como por exemplo: do pouco que gostamos do que está a acontecer às livrarias aos prédios e às ruas desta cidade todos a serem vendidos ao desbarato mais outras torpezas que tais.

Participam:
JOGOS SEM FRONTElRAS • Livraria Sá da Costa • Ghost • DOIS DIAS • AND_Lab • PUNKTO • STET/ livros e fotografias• Unipop / Imprópria • HOMEM DO SACO • Fogo Posto • STET livros e fotografias • A ESTANTE • Buala/ corpo e precariedade• EDIÇÖES ANTIPATICAS • MIA SOAVE • • CHILI COM CARNE • BOCA • Stress FM/ Transições Urbanas • Casa do Vapor • BURACO • & ETC • LETRA LIVRE • Galeria de Arte Ambulante • CHÃO DE FEIRA • MAPA • PEDRAS DE ÁGUA •

* e mais bancas • zines • editoras • performances e conversas

HORÁRIO
• 11.30h | abertura da feira de edições
• 11.45h | Cláudio Da Silva apresenta Poeta Armando
• 13h | DJ Single Again aka JP Pacheco Patricio
• 14.45h | Nuno Moura “Como ganhar um prémio nacional de poesia”
• 16.45 | apresentação de JOGOS SEM FRONTElRAS por Sandra Lang e Ana Bigotte Vieira + debate “LIVROS E REVISTAS COMO ESPAÇO DE RESISTÊNCIA” moderado por Pedro Bismark ( Jornal Punkto)
• 18h | Encerramento da feira

FORA DO HORÁRIO / EM CONTINUIDADE
• Isabel Brison e Nuno Rodrigues de Sousa apresentam o projecto “O Monumento da Praça das Águas Livres” • arquivo de destruição – as edições do arquivo • Raquel Castro e Mariana Tengner Barros • Miguel Pereira • Bruno Caracol

* * Esta feira de edições vem a propósito da produção da revista Jogos Sem Fronteiras #2, no contexto de Sound Development City/ projecto associado da Trienal de Arquitectura de Lisboa

 

Autor, editor, procrastinador profissional e irresponsável mor.

Deixar uma resposta

Show Buttons
Hide Buttons