Doze novas séries na Vertigo

Tentando continuar a provar que se mantém relevante face à forte concorrência da Image e da Dark Horse do domínio dos comics creator-owned para um público adulto, a DC/Vertigo aposta forte com doze novos títulos que editará no outono.

“Smart and irreverent stories that will take you someplace stranger”

Tentando continuar a provar que se mantém relevante face à forte concorrência da Image e da Dark Horse do domínio dos comics creator-owned para um público adulto, a DC/Vertigo aposta forte com doze novos títulos que editará no outono. A presença de nomes como Gilbert Hernandez, Darwyn Cooke, Mike Allred, Dave McKean, Pete Milligan e Lauren Beukes são à partida uma garantia intrigante. Estas novas séries juntam-se ao alinhamento contemporâneo da Vertigo, com os títulos American Vampire, Suiciders e Astro City.

Outubro

twilight-628x966

“The Twilight Children”, Gilbert Hernandez e Darwyn Cooke

Survivors-Club-Cv1-SDCC-fd853“Survivors’ Club”, Lauren Beukes, Dale Halvorsen e Ryan Kelly.

“Clean Room”, Gail Simone e Jon Davis-Hunt.

ART-OPS-1-Cover-Logo-cb415“Art Ops”, Shaun Simon e Michael Allred.

Novembro

Unfollow-Tablet-Cvr-d3498“Unfollow”, Rob Williams e Mike Dowling.

SLASHANDBURN-Cv-SDCC-R1-2cc62“Slash & Burn”, Si Spencer, Max Dunbar e Ande Parks.

Red-Thorn-Cv1-SDCC-R1-c7c9f“Red Thorn”, David Baillie e Meghan Hetrick.

Jacked“Jacked”, Eric Kripke e John Higgins.

Dezembro

The-Sheriff-of-Baghdad-Cover-0f722“Sheriff of Baghdad”, Tom King e Mitch Gerads.

New-Romancer-628x952“New Romancer”, Peter Milligan e Brett Parson.

Lucifer-Cv1-SDCC-e454e“Lucifer”, Holly Black e Lee Garbett.

 

“Last Gang in Town”, Simon Oliver e Rufus Dayglo.

Estes novos títulos substituem as séries que terminaram nesta primavera. Foram concluídos títulos como Hinterkind, de Ian Edginton e Francesco Trifogli, The Names, de Pete Milligan e Leandro Fernandez, e Coffin Hill, de Caitlin Kittredge e Iñaki Miranda. Fables, uma das séries de grande continuidade da editora, também se aproxima da sua conclusão.

Twilight-Children-Interior01-bf80b

A Forbidden Planet destacou alguns destes títulos. Os cronistas interessam-se muito por Last Gang In Town, uma homenagem ao espirito punk clássico, Unfollow, thriller às voltas com a nossa relação com as redes sociais digitais, o cruzamento dos talentos de Darwyn Cooke e Gilbert Hernandez no terror sobrenatural de The Twilight Children, e a colisão entre cyberpunk e literatura romântica de New Romancer, escrito por Peter Milligan.

O trabalho em ficção científica da escritora Lauren Beukes, que esteve recentemente entre nós nos colóquios Próximo Futuro da Gulbenkian, é um bom indicador para a série Survivor’s Club. Em Art Ops, onde o grafismo pop de Mike Allred é aplicado aos ícones da história de arte, também promete”.

A Vertigo lançou nos anos 90 obras marcantes como The Invisibles, Y: The Last Man, Transmetropolitan, Preacher ou The Sandman, entre outros de uma longa lista de séries influentes. Mostraram que era possível ir mais longe em termos gráficos e temáticos dentro dos padrões dos comics, fugindo aos espartilhos impostos ao género. Nos últimos tempos a editora tem vindo a perder a importância que já teve, face à explosão de editoras concorrentes que apostam em séries invoadoras e creator-owned. Não tendo perdido o prestígio, continua a tentar reafirmar-se com o lançamento de novos títulos.

Written By
More from Artur Coelho

SINtra, de Tiago Cruz e Inês Garcia

Sob a cobertura da noite, seres amaldiçoados percorrem o arvoredo em busca...
Read More

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *