Descobrir Autores… como Klévisson Viana

BD e xilogravura
E cultura popular
Estes são alguns dos temas
de que vou aqui falar
Recorrendo à sextilha
Que o cordel costuma usar.

Este ano vem a Beja
Antônio Klévisson Viana
Um autor a descobrir
Na planície alentejana
É um dos autores presentes
No próximo fim de semana.

Nascido no Ceará
Lá em Quixeramobim
(Cidade que eu só conhecia
Da letra de “Até o fim”)
É autor e editor
Dono da Tupynanquim.

Klévisson é sobretudo
Poeta de literatura
De cordel brasileiro.
Também faz xilogravura
E tem alguma BD
Onde também se aventura

À cultura do Nordeste
Foi buscar inspiração
E da história do cangaço
Elegeu o Lampião
Na BD e no cordel
Deu-lhe outra dimensão.

Na BD, a influência
Chega-lhe de todo o lado
De Manara a Pichard
De Laerte até Prado
Não descurando Maurício,
Nem Will Eisner ou Ziraldo.

O seu álbum de BD
Da saga do Lampião
Ganhou um HQ-MIX
E vendeu meio milhão.
A sua segunda BD
Foi feita com o irmão.

Aguardam-se outros trabalhos
Do nordeste brasileiro
Mas este não é um autor
De BD a tempo inteiro
E, para já, é o cordel
Que vai surgindo primeiro.


Autor, coleccionador, crítico e divulgador de banda desenhada, Pedro Mota colabora com o AmadoraBD desde 1995. aElipse é uma crónica semanal que será publicada no aCalopsia aos sábados.

Deixar uma resposta

Show Buttons
Hide Buttons