Blue Exorcist Vol. 6, Kazue Kato

Existe um traidor no Templo Myodha, ameaçando o Olho Direito do Rei Impuro. Sem controlo dos seus poderes, Rin não sabe se ajudará a resolver a crise ou a agravará.

Desde o primeiro capítulo que Blue Exorcist Vol. 6, por Kazue Kato, é tenso, povoado por desconfiança e desconforto. Rin, ainda com dificuldade em controlar os seus poderes, continua a sentir o medo e raiva dos colegas pela revelação da sua ligação com Satã. Por outro lado, o Templo de Myodha fragmenta-se em suspeitas e alegações, temendo a existência de um traidor, tensão agravada pelo secretismo do sumo sacerdote Suguro Tatsuma.

O atrito entre Rin e os amigos se baseia no facto de temerem, odiarem e essencialmente não compreenderem o poder das suas chamas. A disputa interna na Filial de Quioto nasce do conflito no coração de cada um dos seus membros, entre o amor para com a família e amigos, e a compulsão de cumprir o dever ancestral de guardar o Olho Direito do Rei Impuro, protegendo o mundo da sua maldade.

Uma vez que apenas ¾ do volume são dedicados à história principal, os eventos precipitam-se. A identidade do traidor é revelada com o roubo do Olho Direito do Rei Impuro, estabelecendo a principal ameaça para o volume seguintes: o perigo da junção deste artefacto com o Olho Esquerdo do Rei Impuro.

O roubo do artefacto serve igualmente para fundir os dois conflito que ocuparam a narrativa. Apesar da revelação do traidor provar a inocência do sumo sacerdote Suguro Tatsuma, a insistência deste em manter segredos e o rancor do seu filho, Suguro Ryuji, levam este a culpar o pai pela presente crise. Rin, que ainda se sente culpado pelo modo como tratou o seu falecido pai adoptivo, intervém, acabando por perder o controlo dos seus poderes. Além de aumentar a tensão existente, este evento serve como pretexto para Tatsuma revelar uma ligação entre Rin e o Templo de Myodha, através da origem da espada Koma.

É no meio deste cliffhanger, com a promessa de revermos o padre Fujimoto, o pai adoptivo de Rin, e descobrirmos finalmente que segredos esconde Tatsuma, que é interrompida a história principal, dando lugar a duas histórias de bónus. Embora a interrupção seja um pouco frustrante, os dois fillers não são desprovidos de valor.

O Comboio Fantasma é uma história interessante onde estilo “monstro da semana” serve para vincar as diferenças entre os irmãos Okumura. Yukio tende a ver-se mais como um exterminador de monstros, enquanto Rin acha que um exorcista existe para salvar pessoas deles.

Em Kuro Foge de Casa vemos o pequeno gato encantado em pequenos encontros com o os colegas de Rin. É uma história extremamente light, que pode servir para descomprimir da tensão gerada ao longo do volume.

Blue Exorcist Vol. 6 é um volume com mais tensão emocional que acção, cujo único defeito, em especial para os leitores mais ávidos de informação, será o final. Duas histórias bónus, por melhor que sejam, sabem a pouco quando mal podemos esperar pela revelação de tantos segredos.

Blue Exorcist Vol. 06Blue Exorcist Vol. 6

Autor: Kazue Kato
208 páginas a preto
Formato: 126×190 mm
ISBN: 978-989-559-257-9
EAN: 9789895592579
Preço: 9,99 €

Tags from the story
, , ,
Written By
More from Vitor Frazão

Kenshin – O Samurai Errante Vol. 2, Nobuhiro Watsuki

Antes do intenso confronto entre Kenshin e o misterioso assassino, o 2º...
Read More

1 Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *