As duas dezenas de lançamentos do AmadoraBD 2014

O AmadoraBD (ABD) é sempre uma altura pródiga em novos lançamentos, derivado a questões como falta de tempo e ter dado prioridade a outro tipo de artigos (como entrevistas que serão publicadas em breve) fica aqui um pequeno apanhado das diversas novidades editoriais que surgiram nesta edição do festival.

Algumas destas novidades já se encontravam a ser comercializadas, outras foram lançadas durante o ABD e só chegaram às livrarias durante este mês, ou no início do próximo dependendo da eficiência da distribuidora.

Deixem-me Entrar

deixa-me-entrar-joana-afonsoJoana Afonso. Polvo, 170 x 240 mm, 64 paginas, 11,98 €

Livro de estreia a solo de Joana Afonso aborda temas como a solidão e os transtornos mentais.

Sinopse: Alberto anda pela casa dos 40 e sente-se desconfortável com tudo o queo rodeia. Uma mudança para Lisboa, um novo trabalho, novas vivências e, sobretudo, conhecer a Dona Fernanda, irá ajudar a alterar esta situação?
.

Cachalote

Capa-Cachalote-PolvoDaniel Galera e Rafael Coutinho. Polvo, 210 x 270 mm, 272 páginas, 24,99 €

Cachalote é um mosaico de cinco histórias, que alternam mas não se cruzam, e falam de um único mistério, obviamente sem solução. Nessas narrativas — que transitam constantemente entre o realista e o fantástico, o dramático e o cómico — tudo é o que parece, mesmo que seja uma baleia emergindo das águas de uma piscina.

Existe um pequena amostra deste álbum aqui e em breve teremos mais informações, incluindo uma entrevista com Rafael Coutinho.

Copacabana

copacabanaSandro Lobo e Odyr Bernardi, Polvo, 196 pág., p/b, 23 x 16,5 cm, 15,00 €

Sinopse: Uma vida de dia, outra de noite. Copacabana já foi mais chique e segura do que é hoje em dia. Lobo e Odyr, os autores, percorrem o quotidiano de uma prostituta de nome Diana, envolvida em esquemas que giram em torno de sexo sujo, do dinheiro, da droga, do crime – com uma análise antropológica crua da situação das profissionais do sexo à mistura – tudo nas melhores companhias, claro. A beleza fugaz e a luxúria debatem-se contra a miséria e a corrupção. Diana percorre estes trilhos, onde foi parar num golpe que deu para o torto. Salvar-se-á?

Matiné

Magno Costa e Marcelo Costa. Polvo

Sinopse: Um bando de traficantes tem sua rotina interrompida pela chegada de um misterioso homem vestindo preto. Balas voando, drogas alucinógenas e um “luchador” mascarado em uma história simples e direta sobre os bons filmes de ação. Matinê tem como inspiração o bom e velho cinema de ação e aventura, com uma pitada de sangue e humor como tempero.

Sepulturas dos Pais

SepulturasCapaLowresDavid Soares e André Coelho, Kingpin Books, Brochado, 19×24,5cm, 64 páginas, preto e branco, 9,95 €.

Apresentado pelo argumentista como sendo uma obra que “na essência, trata-se de um livro sobre a ruína, sobre o facto de que os indivíduos nem sempre estão alinhados com as melhores estrelas do seu destino”, Sepulturas dos Pais marca o reencontro de André Coelho e David Soares (após uma curta colaboração) e breve teremos um apontamento mais extenso sobre a apresentação do livro no festival. Entretanto podem sempre ver a antevisão e ler a crónica de Pedro Mota sobre o mesmo.

Crumbs

crumbsVários autores. Kingpin Books.

Crumbs é apresentado como sendo “uma celebração da identidade única portuguesa”, uma antologia que inclui trabalhos de André Oliveira, Fernando Dordio, David Soares, Mário Freitas, Pedro Cruz, Francisco Sousa Lobo, Nuno Duarte, Joana Afonso, Ana Matias e Zé Burnay, André Caetano, Bernardo Majer, Pedro Serpa, Sérgio Marques, Osvaldo Medina, Inês Galo, e Ricardo Venâncio.

É um álbum de pequeno formato (A6) editado em inglês com o objectivo da promoção do trabalho dos autores em Leeds, Inglaterra. A capa é da autoria de André Pereira com cores de Afonso Ferreira.

Franco: Caos e Ordem

CapaFrancoCaosOrdem_HiResFernando Dordio, Mário Freitas e Osvaldo Medina, Kingpin Books, Cartonado, 19,1×26,8cm, 80 páginas, tons cinza, 16,99 €

Quatro anos depois da publicação original, “Agentes do CAOS: Nova ORDEM” regressa numa versão Editor’s Cut totalmente restaurada, num formato maior e nos tons cinzas em que foi originalmente pintado, com nova legendagem, diálogos revistos e várias páginas remontadas e redesenhadas.

Sinopse e amostras disponíveis aqui.

Habibi

habibiCraig Thompson. Edições Devir, 672 páginas a preto, 160×228 mm, 39,99 €

Sinopse: A história de Dodola e Zam, duas crianças escravas ligadas uma à outra pelo acaso, pelas circunstâncias e pelo amor que cresce entre elas. Ao mesmo tempo contemporânea e atemporal, Habibi é uma parábola sobre a nossa relação com o mundo natural, a divisão cultural entre o primeiro e o terceiro mundos, a herança comum do Cristianismo e do Islamismo, e, mais poderosamente, a magia de contar histórias.

Naruto Vol. 7: O Caminho a Seguir

naruto-07-o-caminho-a-seguirMasashi Kishimoto, Edições Devir, 186 páginas a preto, 126×190 mm, 9,99 €

Sinopse: Nas profundezas da Floresta da Morte, Naruto, Sasuke e Sakura estão ainda a recuperar do ataque de Orochimaru… e têm agora de enfrentar os seus lacaios, os misteriosos Ninjas do Som. Enquanto Sasuke luta contra uma estranha força que se apodera do seu corpo, alastrando como uma maleita a partir da marca amaldiçoada que Orochimaru deixou no seu pescoço, o tempo para os alunos ninja obterem os pergaminhos para passar os exames Chunin escasseia!

Pontas Soltas – Lisboa

pontas_soltas_lisboaRicardo Cabral. Asa, 80 páginas, capa dura, 17,95€

Sucessor do premiado Pontas Soltas – Cidades, o novo ábum de Ricardo Cabral é uma colectânea de quatro histórias curtas realizadas entre 2004 e 2013 no âmbito de diferentes projetos.

  • Hi No Tori (que significa “Fénix” em japonês), data de 2004 mas só viria a ser publicada em 2006, no BDJornal.
  • The God Tracking Station, foi realizada em 2005 para o fanzine Jazzbanda e inclui elementos de filmes antigos de espiões e agentes secretos em cenários tipicamente lisboetas. A versão incluída neste livro contém duas páginas inéditas, que antecedem as originalmente publicadas.
  • Webtrip, de 2012, resulta do convite da organização do Festival de BD de Lyon para um projeto que envolveu artistas de toda a Europa e que foi originalmente publicado online, tendo só no ano seguinte sido editado em livro, em língua francesa. A versão portuguesa que é aquipublicada estava inédita em livro e inclui mais três páginas do que a versão original.
  • O Caso Doca 21, de 2013, surgiu de um desafio lançado pela Samsung, que consistia em realizar uma BD utilizando unicamente o Galaxy Note 3 e tendo a cidade de Lisboa como cenário. A originalidade da campanha foi sobejamente reconhecida pelos vários prémios de que foi alvo, e a BD foi publicada na página de facebook da Samsung, tendo também sido publicada em papel com a revista Visão.

Saga Vol. 1

saga-vol-1Brian K. Vaughan e Fiona Staples. G. Floy, 168 páginas, cor, capa dura, 8,99 €

Sinopse: Saga é a história de dois jovens soldados de lados opostos de um vasto conflito inter-galáctico sem fim, que se apaixonam e arriscam tudo para protegerem a vida que criaram e que terá de crescer num universo hostil e perigoso. Alana e Marko querem apenas poder viver a sua vida em paz com a sua jovem filha Hazel – considerada uma abominação por todas as potências envolvidas na guerra – e, entre serem perseguidos por um príncipe robot com cabeça de TV, assassinos profissionais dos mais diversos planetas e serem assombrados pelos fantasmas de vítimas de batalhas passadas, a sua história irá mudar a galáxia.

Fatale Vol. 01: A Morte Persegue-me

Fatale-vol-1Ed Brubaker e Sean Phillips. G. Floy, 136 páginas, cor, capa dura, 8,99€

Sinopse: Nos nossos tempos, Nicolas Nash recebe a herança e os escritos que o escritor Dominic Raines lhe legou, e conhece uma estranha mulher, Josephine, por quem se apaixona irremediavelmente e de modo quase obsessivo. Depois de descobrir um manuscrito esquecido de Raines, e de Jo o salvar de ser assassinado por um grupo misterioso de homens, percebe que nem tudo é o que parece ser no passado de Dominic Raines. E, na São Francisco dos anos 1950, seguimos os acontecimentos contados no manuscrito de Raines e a vida da estranha mulher fatal que poderá ser a própria Josephine, que procura escapar a um perigo vindo do seu passado misterioso.

Tony Chu: Detective Canibal Vol. 1: Ao Gosto do Freguês

Tony-Chu-Vol-1John Layman e Rob Guillory. G. Floy , 128 páginas, cor, capa dura, 8,99€

Tendo como título original “Chew” (mastigar, mascar), Tony Chu é apresentado pela editora como sendo um êxito sem precedentes, apesar de ter tido vendas inferiores a outras edições da Image como Saga ou The Walking Dead, e sem comparação com alguns dos título iniciais da Image como Spawn, Youngblood ou WildCATS.

Sinopse: Tony Chu é um detective cibopata,- alguém que consegue receber as últimas impressões psíquicas da vida de um ser vivo quando… o come. Um poder potencialmente muito útil para um detective resolver crimes, mas que requer que ele se torne num… canibal! Passado num mundo em que a carne de frango (e de aves em geral) foi proibida devido a uma epidemia catastrófica de gripe das aves e em que a Food and Drug Administration se tornou na mais poderosa força de autoridade do planeta, esta aventura policial e sobrenatural de humor negro levará os seus heróis a procurar desvendar uma imensa conspiração, enfrentar ameaças extraterrestres, navegar poderes cibopatas, saboescribas, cibolocutores, e muito mais.

O segundo volume nacional está planeado para a Primavera de 2015.

QCDA #2000

qcda2000Amanda Baeza, Hetamoé, Sílvia Rodrigues e Sofia Neto,Chili Com Carne A3, 16 páginas

O QCDA #2000 teve um lançamento furtivo no AmadoraBD, tem sido uma politíca da Associação Chili Com Carne ignorar o festival, contudo isso não impede que por alturas do mesmo não surgam por lá umas novidades editorias.
Esta edição teve direito a exposição e sessão de lançamento – com presença das autoras – em Malmö, na Suécia, numa manobra de conquista do público sueco.

O Andar de Cima

o-andar-de-cimaFrancisco Sousa Lobo, Chili com Carne, Faculdade de Ciências e Tecnologia e Ar.Co,, 20 páginas

Outro dos lançamentos furtivos da Chili Com Carne no Amadora BD foi um novo trabalho de Francisco Sousa Lobo (O Desenhador Defunto). O Andar de Cima é uma edição bilingue, texto em português, com notas de rodapé em inglês.
A BD é baseada na palestra A Modulação da Tomada de Decisão: Pode o cérebro ser influenciado? ocorrida em Maio deste ano e com as participações de Miguel Esteves Cardoso, José Manuel Pereira de Almeida e Nuno Artur Silva.

Jupiter

jupiterRicardo Lopes, Escorpião Azul

Sinopse: Escondido à vista de todos, existem um mundo de magia e feitiçaria em que o mito e a realidade colidem e os magos inspiram lendas com os seus poderes. É com esta fantástica verdade que Miguel se depara quando sai do orfanato à noite, ignorando o prenúncio sinistro de uma figura encapuçada que vigia atentamente os seus movimentos… Porque o mundo da magia também oculta trevas, e o jovem vê-se frente-a-frente com um mago foragido, cujas intenções são tudo menos amigáveis!

Toda a Mafalda

mafaldaQuino, Verbo, 210 x 288, 600 páginas, 35.90 €

Assinalando os 50 anos de Mafalda, a Verbo reeditou em Portugal todas as suas tiras numa nova edição cartonada que, para além de beneficiar de uma capa inédita, conta ainda com artigos de opinião e diversa informação que, guiando o leitor, o ajudam a contextualizar a personagem e os gags nos acontecimentos históricos que a Argentina e o Mundo vivenciaram entre 1964 e 1973. Inclui, ainda, artigos de opinião de várias personalidades do mundo da banda desenhada.

O Estrangeiro

o-estrangeiroJacques Ferrandez, Arcádia, 210 x 288 mm, 136 páginas, PVP: 22.50 €

Adaptação do romance de Albert Camus para banda desenhada

Sinopse: Num dia quente, Meursault apanha o autocarro que o conduz de Argel ao asilo, onde vai ao enterro da mãe. Mais tarde, no velório, aceita um café que lhe oferecem, tem vontade de fumar um cigarro e não chora. Encontra Marie com quem se envolve porque a deseja. Num dia quente, Raymond – um amigo que se envolveu numa quezília com o irmão de uma amante –, Mersault e Marie vão à praia. E é nesse cenário que Mersault se desnorteia com o calor, puxa do gatilho e dispara cinco tiros que se revelam fatais para outro homem. É de imediato acusado de assassinato e preso.

ohZona

ohzonaVários autores, Associação Tentáculo e oh magazin

Edição inserida no projecto Comic Transfer 2014 do Goethe Institut, que costuma patrocinar o intercâmbio entre
autores da Alemanha e outros países. Este ano o intercâmbio não foi feito directamente entre autores mas entre publicações independentes, a Zona e a oh magazin.

O livro é inspirado no Carnaval, época do ano em que se desenrolam as histórias, sendo dividido em 2 partes, uma em Português (argumento de Gabriel Martins, desenhado por Caroline Ring, Lew Bridcoe e Rui Alex) e outra em Alemão (escrito por Christoph Mathieu e desenhado por Asja Wiegand, Fil e Miguel Santos), com legendas em inglês.

A capa é da autoria de Yi Luo.

Living Will nº 03

living-will-3André Oliveira e Joana Afonso, Ave Rara, 16 páginas, 2,95€

O terceiro capítulo da mini-série de 7 editado pela Ave Rara (em inglês) foi editado durante o 25º AmadoraBD. Podem consultar aqui as amostras e sinopse desta edição, ou ler a reportagem da apresentação deste mini-comic no festival, que esteve a cargo de Pedro Moura.

Armandinho Zero e Armandinho Um

Alexandre Beck. O Castor de Papel, 96 páginas, capa mole, 9,54 €

O Castor de Papel é um selo editorial da 4 Estações, editora fundada em 2014 que tem a direção editorial de Mário de Moura e de Ione França.

Os dois primeiros lançamentos de BD da editora são Armandinho Zero e Armandinho Um, colectâneas de tiras humoristicas do autor brasileiro Alexandre Beck. Armandinho ficou famoso através do Facebook onde possui uma página de fãs com 135 mil seguidores.

armandinho-hqfb05

Written By
More from Bruno Campos

Apocryphus Volume 2 no Fórum Fantástico

Um ano após a sua apresentação a antologia Apocryphus regressa ao local...
Read More

7 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *