Portais 7.5

Portais, de Octavio Cariello e Pietro Antognioni

Portais propõe-nos uma ambiciosa história de ficção científica pura, ilustrada com uma exuberância cromática deslumbrante. No entanto, o querer ir muito longe no argumento acaba por prejudicar este livro, que necessitava de um desenvolvimento mais profundo.

Cicatriz 6.9

Cicatriz, de Sofia Neto

Com uma cicatriz que denota um passado violento, uma mulher tenta sobreviver por entre aqueles que considera selvagens, enquanto procura uma agente desaparecida. Quanto mais entra dentro do mundo daqueles que antagoniza, mais se apercebe que a realidade talvez não seja aquilo que a sua indotrinação lhe transmitiu. Cicatriz é um livro discreto, de pura ficção científica.

From Hell 8.6

From Hell, de Alan Moore e Eddie Campbell

A publicação de From Hell pela Devir vem suprir uma lacuna na edição de banda desenhada em Portugal, trazendo aos leitores uma edição em português de um dos grandes marcos do género no final do século XX.

Apontamentos de Terror 6.1

Apontamentos de Terror, de Pepedelrey

Mais do que a visão clássica horror, o que está em evidência neste Apontamentos de Terror é a capacidade de arriscar formas inquietantes de narrativa gráfica.

Futuro Proibido 6.3

Futuro Proibido, de Pepedelrey

Futuros decalcados da Ficção Científica colidem numa história não linear, que nos recorda o lado experimental da literatura especulativa.

8.4

Descender Volume 1: Estrelas de Lata, de Jeff Lemire e Dustin Nguyen

Em Descender, Lemire e Nguyen levam a sério as temáticas da ficção científica, numa história intrigante passada num mundo ficcional abrangente. O seu ambicioso espaço de ideias é complementado por um inesperado estilo visual, que quebra as convenções estéticas a que o género nos habituou.

8.8

Hanuram, O Dourado, de Ricardo Venâncio

Esta edição mostra as bem afinadas capacidades de argumentista e ilustrador de Ricardo Venâncio, com uma boa história cheia de ironia e humor negro, espetacularmente ilustrada e muito bem contada.

Amostras