A Revista Vadia e o Tio Putinhas

Com mais de 20 anos de existência, em formatos múltiplos e numeração aleatória, o fanzine Cru tem sido a a casa de nomes como Esgar Acelerado, Rui Torres, Rui Ricardo, Eduardo de Portugal, Emerenciano Osga e Mário Moura entre outros. Actualmente o fanzine ostenta o subtítulo de Revista Vadia, e o último número a ser editado, o número 49 (Especial Ódio) inclui um suplemento a cores: “Almanque do Tio Putinhas”, tendo as duas edições uma tiragem de 400 exemplares.

CRU_49_odiario_ilustracao_Susana_Carvalhinhos Alguns do números da Cru, editado no século passado. encontram-se disponíveis online, como por exemplo 0 número 13, que durante anos se pensou ter sido o canto do cisne do fanzine que é virou revista no século XXI. Para além dos colaboradores habituais, a Cru conta nesse número com a colaboração de Pedro Brito, João Fazenda e José Carlos Fernandes. Após um longo hiato a Cru regressou em Maio de 2012, com a edição nº 34 proclamando orgulhosamente:

Com tiragens que não ultrapassavam os 100 exemplares, a CRU é hoje um valioso objecto de colecção, que agora se (re)introduz a uma plateia mais vasta. No limbo desde 1999, a CRU regressa aos escaparates com uma nova edição, mais Rasca e Vadia de que nunca, com antigos e novos colaboradores. CRU, uma publicação pelintra, repleta do melhor da cultura underground.

 

CRU_49_Mostra-me_os_teus_boxers,dir-te-ei_quem_es_ilustracao_Zbigniev_Koniek

Como o underground se tornou mais fino, desta vez a Cru teve direito a impressão de offset e tiragem de 300 exemplares. Como entretanto eles também esgotaram, já se encontra disponível online de borla. Caso não tenham reparado, de vez enquanto a Crú dá um saltos na numeração, o pelo que não vale a pena procurarem certos números, que eles nunca foram publicados! O número mais recente é o 49, um especial “Ódio” que conta com um longa lista de ilustres colaboradores. Esta é a lista do conteúdos divulgados:

cru49Banda Desenhada

  • “Como Enviar Livros Pelo Correio”, de Marcos Farrajota;
  • “Zé da Nazaré”, de Álvaro Silveira;
  • “Eu Quero Ser Uma Santa”, de Rosa Feijão;
  • “Midnight Snack”, de Tiago Araújo;
  • Dr. Croissant”, de Álvaro Ferreira;
  • “Hatred Leads To Violence”, de Zé Burnay;
  • “Slave”, de Rudolfo.

Artigos:

  • “Tarantino – O Homem que Adoramos Odiar”, por Clemente Migalhas;
  • “Os Cartoon Jumbles de Jeremy Eaton”, por Sandra Gavinhos;
  • “Tijuana Bibles”, por Astromanso;
  • “Mostra-me os Teus Boxers, Dir-te-ei o Que És”, por Alice in Goreland;
  • “Odeio Gatos”, por Esgar Acelerado;
  • “A Destilaria da Balbina”, por Balbina Bagina

Ilustração: Isabel Lhano, Laro Vilas Boas, Anoik, Bruno Débrum, Horácio Frutuoso, Rosa Feijão, Helena Rócio Janeiro, Tiago Araújo, Rita Mendes, Esgar Acelerado, Sebastião Peixoto, Jeremy Eaton, Wasted Rita, Rudolfo, Jefferey Zaun, Rui Vitorino Santos, Rosário Pinheiro, Bárbara Fonte, Lord Mantraste, Susana Carvalhinhos, Heymikel, Leonor Zamith, Joana Ray, Cátia Vidinhas, Tiago Lourenço, Zbigniev Koniek e Lara Luís.

E ainda! Ódiário – 16 ilustradores desenham o seu ódio de estimação; Horóscopo por Madame Lydia; Críticas de discos; Consultório sentimental de Valquíria Aragão; Contos de A. Sugadita e Julieta dos Prazeres; Filmes que o Tempo Esqueceu, de Amílcar Macieira, Poemas de Paulo Gasconha e Rios Albertino, entrevistas aos The Maharajas e Dirty Coal Train e a habitual página de Crurreio.

1004824_681155711898568_316555103_n

Como se isto tudo não chegasse, ainda temos o suplemento a cores “Almanaque do Tio Putinhas” de Walt Esgar, que motivou o grandioso concurso Cru: Eu Leio O Putinhas.

Tio_Putinhas_tira

Podem encontra uma crítica à revista (e suplemento) na A Funda São (onde fui sacar uma imagens) e seguir a Cru (e enviar pedidos) através da página de Facebook.

Written By
More from Bruno Campos

Hora de Aventuras — Volume 4

  Uma “Mano-ventura na masmorra”, onde Jake, o cão, Finn, o humano...
Read More

1 Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *