30 Dias, 30 artistas: Inês Garcia

Nasceu em Lisboa, no Inverno de 1990. Desde que se lembra que desenha e pinta estreando-se a fazer capas nos jornalinhos da primária. Licenciou-se em Pintura pela FBAUL, onde começou a aperceber-se que não conseguia situar-se numa área e num estilo específico. Com “bichos carpinteiros” sempre gostou de explorar novas áreas e novas técnicas e, nesse seguimento aventurou-se num Mestrado na mesma Instituição, desta vez mais virado para as ciências (Anatomia Artística), tendo trabalhado em Ilustração Científica aliada à temática dos videojogos e das criaturas fantásticas (Concept Art). Em termos profissionais, dá aulas (sobre criaturas fantásticas) na Escola Superior de Educação de Lisboa. Atualmente encontra-se no 2º ano de Doutoramento em Belas-Artes. Na área da BD começa a dar os primeiros passos.

Aventurou-se pela primeira vez a fazer BD com a experiência “Star K’rrot- O Caminho das Cenouras” (2016) publicada nas “Histórias do Outro Mundo” editada pela Escorpião Azul, e presente também na revista nº3 da H-Alt , seguindo-se  de “Avenida das Memórias”( 2016) uma curta biográfica, que mereceu destaque no Blog Divulgandobd . Este ano prepara-se para lançar o seu primeiro livro “SINtra”, uma BD de terror com argumento de Tiago Cruz que explora os mistérios de Sintra a ser editada pela Escorpião Azul. A temática do horror/terror aliada ao fantástico é sem dúvida a sua paixão e aquilo que pretende desenvolver.

De entre as suas preferências no mundo da BD destacam-se Tyler Crook    (Harrow County), Paul Azaceta (Outcast), Bilquis Evely (Wonder Woman), John Arcudi (Rumble) e   Jason Latour (Southern Bastards).  Outros artistas como Terryl Whitlatch e Laurel D. Austin são também fonte de inspiração.

Inês Garcia
Prancha da BD Star K’rrot- O Caminho das Cenouras, da antologia História do outro mundo da Escorpião Azul

Inês Garcia

Inês Garcia

Inês Garcia

Inês Garcia

Maisinformações: Ines Garcia Artwork

Written By
More from Sérgio Santos

30 Dias, 30 artistas: Diogo Carvalho

Natural de Pardilhó (1979), faz parte do mundo da BD portuguesa desde...
Read More

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *