Histórias Naturais de Jules Renard e Maria João Worm

A Quarto de Jade editou um novo livro com texto da autoria de Jules Renard: Histórias Naturais. Com ilustrações de Maria João Worm e tradução de Carlos Pombo.

Os textos que se organizam neste livro em sequência temática, numa sucessão quase diarística, têm a forte presença de serem descrições tornadas possíveis por uma observação directa tirada de acontecimentos vividos na primeira pessoa. Presença indispensável para reproduzir em palavras a exacta anatomia do movimento da Natureza, a ela se acresce uma ruminação autorreflexiva, que vai tomando em cada história tonalidades diferentes. No fluir aparentemente descontraído da sucessão dos textos, por vezes há contaminação no tema ou no tom da escrita, o que dá ao livro uma aragem: a graça de uma floresta ou de flores em baldios, crescendo condicionadas pela livre ocorrência do que não escolhem.

Diferentes seres partilham a condição de estarem vivos, relacionando-se no seu território, nem sempre de um modo pacífico, e em muitas histórias ensaia-se a contradição humana, inquirindo-se o convívio entre prazer e repugnância. À humanidade é dada apenas uma qualidade que se lhe acresce aos demais seres vivos, a consciência da responsabilidade sobre o seu desejo de domínio e violência gratuita.

Este livro de 168 páginas, formato 21 x 15 cm, com tiragem de 50 exemplares numerados, apresenta-se com capa dura contendo 27 estampas, a cores, coladas, tendo o PVP de 30.00€. Encontra-se disponível para venda no site da editora.

O lançamento desta nova publicação terá lugar no bar A Barraca dia 22 de Outubro (5ª feira), pelas 22.30h. Serão lidos textos de Jules Renard, Maria João Worm e de Diniz Conefrey no ambito das sessões Poesia às Quintas – com Miguel Martins.

Nota informativa disponibilizada pelo autor, editor ou promotor do evento, pertencendo-lhes a responsabilidade pela informação divulgada.

Deixar uma resposta

Show Buttons
Hide Buttons